quinta-feira, 31 de janeiro de 2008

Nocturno 2008/01/31

Viva Companhia,

Como combinado esta noite houve um passeio denominado "Nocturno".

Compareçeram à convocatória dois bravos soldados que se propuseram enfrentar o frio nortenho qua varria sem dó a cidade invicta.

O passeio iniciou-se junto da ponte D. Maria, na marginal e prosseguiu pela mesmo até à foz e daqui até ao edificio transparente, local onde após algumas trocas de palavras com um grupo de amigos das bicicletas continuou pela Av. da Boavista, Rua de Álvares Cabral, Praça da República, Rua Gonçalo Cristovão, Rua de S. Catarina, Rua de Saraiva Carvalho e Avenida de Vimara Peres. Aqui atravessamos o Rio Douro utilizando a Ponte D. Luis até à Avenida da República em Gaia. Descemos a rua Calçada da Serra até ao tabuleiro inferior da ponte e daqui regressamos ao ponto de partida.

Deixo-vos umas fotos, poucas mas suficiente para testemunhar o passeio e o percurso de GPS.

Até à próxima...






quarta-feira, 30 de janeiro de 2008

terça-feira, 29 de janeiro de 2008

Fotos de Agosto a Outubro de 2007 (Parte I)

Fica aqui um resumo de alguns momentos dos nossos passeios em 2007 :

video

domingo, 27 de janeiro de 2008

Passeio de 2008/01/28

Viva Companhia,

Este foi mais um domingo de passeio da Companhia.

Infelizmente a mesma esteve muito desfalcada, somente seis bravos soldados apresentaram-se à chamada.

Antes mesmo da partida dois bravos soldados já se queixavam de cansaço antes mesmo da missão se iniciar, argumentavam que estavam cansados da representação do dia anterior no 1ºPuf (ver crónica um pouco mais abaixo).

Neste passeio um bravo soldado apresentou-se com um novo brinquedo, uma câmara de filmar própria para as nossas missões, vide a foto seguinte do bravo soldado em acção com o seu novo "brinquedo" e fotos do mesmo:






Após a apresentação e do pequeno briefing inicial a companhia iniciou a missão e como habitualmente a subir até à estrada de D. Miguel, daqui seguimos para a zona do sanatório de Valongo, percurso que se caracteriza por ser sempre a subir e em piso de transposição difícil devido às pedras soltas que pontuam por todo o caminho.

Após chegada ao sanatório, prosseguimos para a Serra de Stª Justa cujo objectivo era subir até às antenas de comunicação de forma a percorrermos uns trilhos bastante interessantes com descidas acentuadas, vide fotos:
















Após estas descidas frenéticas recrutamos mais dois outsiders para nos acompanhar no resto da nossa missão que continuou pelo chamado Trilho dos Incas, sendo este trilho um excelente single-track bastante estreito e talhado na encosta do monte, é um trilho que assusta um pouco porque qualquer distracção pode originar um queda de alguns metros pela encosta abaixo, felizmente e até hoje não há registo de nenhum acidente na nossa Companhia.








A parte final (uma das muitas possibilidades) do Trilho do Incas compreende uma descida acentuada com bastante pedra solta o que não permitiu grandes velocidades na progressão da companhia.














Como ainda era cedo, a companhia decidiu subir o trilho do "Ar Puro" que nos levaria desde o rio Ferreira até à estrada que liga Valongo a S. Pedro da Cova, sendo este percurso feito em toada ascendente e onde houve uma quebra da união do grupo, nomeadamente um soldado (um dos que representou a Companhia no dia anterior) que não aguentou o ritmo imposto nesta subida tendo demorado um pouco mais a cumprir o objectivo.

Chegados à estrada alcatroada foi tempo do reforço alimentar.

A partir deste ponto e por motivos que transcendem a Companhia, vários elemento tiveram que regressar antecipadamente à base tendo restado uma pequena representação de apenas 3 elementos que prosseguiram a missão:






Como um dos elemento era o portador do novo brinquedo, a Companhia procurou trilhos que tivessem descidas rápidas de forma a filmar em velocidade o desempenho dos bravos soldados, mas primeiro havia que subir mais um pouco e o soldado continuava a queixar-se das subidas, mas lá conseguiu, com perseverança e paciência dos camaradas.




Após uma frenética descida (não temos fotográficos e aguardamos pacientemente pela disponibilização do registo de vídeo) a Companhia seguir para um trilho (single-track) fantástico junto do rio Ferreira, onde queríamos mais uma vez confirmar, à posterior, o desempenho da câmara.




E foi assim que a Companhia Soldado Desconhecido desempenhou com dedicação e bravura mais uma missão.

Até à próxima...

sábado, 26 de janeiro de 2008

PUF Nº 1 - 26/01/2008

Viva Companhia,

Uma representação nossa participou com muito entusiamo e empenho no 1ºPUF, que reuniu aproximadamente 50 participantes que se propuseram a percorrer vários trilhos do concelho da Maia.

O ponto de encontro foi no parque de estacionamento do MaiaShopping e daqui inciou-se (com um atraso ligeiro) aquele que seria um passeio que nos levaria por caminhos nunca trilhados pela nossa Companhia.

O passeio caracterizou-se por se desenvolver a um ritmo baixo, por vezes demasiado devagar e com bastantes paragens passando por trilhos em que a dificuldade técnica era muito reduzida, o que à partida permitira que o ritmo fosse mais elevado.

Infelizmente houve alguns contratempos com alguns colegas do passeio e no que toca aos elementos da companhia só houve um pequeno problema com um travão decorrente de um encontro com uma árvore, situação rapidamente resolvida.

Deixo aqui os meus parabéns à organização do PUF que esteve sempre à altura das diversas situações que foram ocorrendo ao longo do mesmo.

Ficam as fotos para o registo e o track de GPS (gentilmente disponibilizada pelo Jaime Silva).




















Track para Download AQUI

quinta-feira, 24 de janeiro de 2008

segunda-feira, 21 de janeiro de 2008

PUF Nº 1 - 26/01/2008

O Soldado Desconhecido vai estar presente no PUF Nº 1, no próximo sabado dia 26/01/2008, o ponto de encontro será no parque de estacionamento do Maia Shopping e a partida está marcada para as 8H30.
Quem quiser pode aparecer, não há inscrição, nem seguro, nem reforço alimentar. Convém levar camaras de ar e ferramenta, bem como reforço alimentar.
Distância prevista : 35km / Hora prevista para o final : 13H00

20/01/2008 - Paulo Melo